Confins do Universo 121 - Viajando com os quadrinhos
OUÇA
Notícias

Heróis da DC terão lugar para tratar transtorno de estresse pós-traumático

30 janeiro 2018

Além de lesões físicas, algumas situações causam também profundas feridas psicológicas, como soldados em uma guerra, policiais que convivem com violência diariamente ou até mesmo pessoas comuns que passam por momentos traumáticos.

O transtorno de estresse pós-traumático pode ser grave, a ponto de gerar síndrome do pânico, automutilação e até suicídio, sendo recomendado tratamento com profissionais adequados.

Dentro deste panorama, como os super-heróis, que lidam com situações extremas corriqueiramente, lidariam com o problema? Por muitas vezes os leitores viram seus personagens preferidos machucados e se tratando após as batalhas em que se envolvem, mas como cuidar das feridas que não são físicas?

Com isso em mente, o escritor Tom King (Batman, Senhor Milagre, VisãoO Xerife da Babilônia) introduzirá um novo conceito no Universo DC: o Santuário.

"Eles também precisam de ajuda profissional", afirma o autor. "Acho que é a ideia mais óbvia que já tive. A DC tem muitos super-heróis, e tudo o que eles fazem é lutar. Isso traz um efeito psicológico, certo? Não se pode viver uma vida de violência e não sentir essa violência no fundo de seu coração. A Trindade (Superman, Batman e Mulher-Maravilha) se importa com os outros heróis, eles se veem como figuras paternas, a fundação que sustenta todos os outros. Se importam porque são boas pessoas, mas também porque, se um trauma os levarem à loucura, isso se torna um perigo em potencial."

King comparou o Santuário com os centros de tratamento de veteranos nos Estados Unidos.

Segundo ele, esse conceito estará ligado a algo maior por vir no Universo DC.

Tom King tem tido destaque nos últimos anos com elogiados trabalhos. Antes de escrever quadrinhos, ele era um agente de contra-terrorismo da CIA.

Tom King

Já são mais de 640 leitores e ouvintes que apoiam o Universo HQ! Entre neste time!
APOIAR AGORA