Confins do Universo 112 - É guerra! Quadrinhos no front!
OUÇA
Notícias

Mino resgata clássicos dos quadrinhos em edição exclusiva do Brasil

28 junho 2017

Morcegos-Cérebro de Vênus e Outras HistóriasEm julho, chegará às livrarias, pela Mino, Morcegos-Cérebro de Vênus e Outras Histórias (formato 18,5 x 28 cm, 208 páginas em preto e branco, capa dura, R$ 79,90), uma coletânea com HQs clássicas de ficção científica produzidas nos Estados Unidos entre 1939 e 1954, no período conhecido como Era de Ouro dos quadrinhos.

As 31 aventuras do volume são assinadas por nomes como Jack Kirby, Alex Toth, Steve Ditko, Joe Kubert, Wally Wood, Joe Shuster e outros – ao todo, são 23 autores. E elas contam histórias de amor entre cientistas e máquinas, de confrontos entre alienígenas e desbravadores espaciais e de batalhas entre formigas gigantes do Asteroide X e terráqueos de um futuro distante. O título da obra foi retirado de uma HQ de Basil Wolverton.

Este material é anterior ao surgimento do famigerado Comics Code Authority (para saber mais dele, ouça o episódio A Censura nos Quadrinhos, do podcast Confins do Universo), que foi criado pelas editoras em 1954, para regulamentar o conteúdo das HQs em meio à paranoia moralista e anticomunista dominante nos Estados Unidos pós-Segunda Guerra Mundial. O código só chegou ao fim em 2011.

Agora, se você acompanha publicações norte-americanas dessa fase e estranhou não conhecer o título da obra, a explicação é digna de nota: este álbum só existe no Brasil. O mix foi elaborado pelos editores Carlos Junqueira e Lauro Larsen. E eles não se limitaram apenas a selecionar o material, que estava todo em domínio público, em sites de quadrinhos escaneados.

“Encontrei republicações estrangeiras recentes que pareciam ter sido escaneadas e impressas. Então, baixei os arquivos e comecei a restaurar essas revistas; e posso dizer que ficaram com a arte até melhor do que em suas edições originais”, conta Carlos Junqueira, que é colecionador e fascinado pela Era de Ouro, e praticamente vetorizou as páginas novamente.

E Lauro Larsen complementa: “É um material que representa o ápice desse período, quando imaginação e experimentação eram as regras do jogo. É importante para todo leitor ou profissional da área conhecer essas obras, que ajudaram a moldar o quadrinho moderno".

Em depoimento ao Universo HQ, Larsen revelou que ele e Junqueira leram mais de duas mil páginas para chegar às escolhidas. "A seleção foi baseada em critérios variáveis: em alguns momentos, pela arte; em outros, pelo enredo. Mas sempre pensando na representatividade dessas aventuras para a evolução das histórias em quadrinhos", disse.

O passo seguinte foi procurar a Mino, que deu todo o suporte na parte de tradução (feita pelo quadrinhista Diego Gerclach) e adaptação do texto, enquanto Thiago Ferreira cuidou do letreiramento e de uma rigorosa adaptação tipográfica de títulos, para tudo ficar similar às obras originais.

A introdução de Morcegos-Cérebro de Vênus e Outras Histórias é assinada por Ciro I. Marcondes, do site Raio Laser, que ressalta a chance que o álbum oferece de “viajar pela fantasia da época e compreender o que fazia esses homens vislumbrarem o futuro dessa forma”.

Restauração de Morcegos-Cérebro de Vênus e Outras Histórias

Restauração de Morcegos-Cérebro de Vênus e Outras Histórias

Restauração de Morcegos-Cérebro de Vênus e Outras Histórias

Restauração de Morcegos-Cérebro de Vênus e Outras Histórias

Já são mais de 470 leitores e ouvintes que apoiam o Universo HQ! Entre neste time!
APOIAR AGORA