Confins do Universo 117 - Dissecando The Walking Dead
OUÇA
Notícias

Pokémon é proibido na Arábia Saudita

28 março 2001

Conforme noticiado pelos diários Jornal da Tarde e O Globo, o mufti Abdulaziz bin Abdullah, principal autoridade religiosa da Arábia Saudita, proibiu a comercialização e utilização de videogames e jogos de cartas que têm como figuras principais os personagens do desenho japonês Pokémon, alegando que eles “promovem o sionismo e estimulam a jogatina”, algo proibido pelo islamismo.

A determinação do xeque Abdullah, divulgada no fim de semana, indica que as cartas doPokémon “possuíram as mentes das crianças”, pois estão recheadas de símbolos como a estrela de David, “que promove o sionismo e é o emblema internacional de Israel”. Além disso, o muftiapontou como “problemas” a aparição no desenhos de cruzes, sagradas para os cristãos, e triângulos, símbolo dos maçons.

O xeque disse que o desenho, lançado em 1996 no Japão, “é como uma jogatina, porque envolve negociações entre os colecionadores, que muitas vezes pagam dinheiro”.

Em Tóquio, um porta-voz da Nintendo, fabricante do videogame Pokémon, afirmou que as cartas não foram desenhadas pensando em símbolos religiosos. Mesmo assim, a empresa prometeu investigar as acusações que levaram à proibição dos produtos na Arábia Saudita.

Os Pokémon movem uma “indústria” avaliada em cerca de US$ 6 bilhões. Entre seus produtos principais estão cartas, quadrinhos, a série de tevê, filmes longa-metragem e brinquedos.

O jogo de cartas, que agora está proibido na Arábia Saudita, recebeu críticas em vários países. No México uma igreja cristã falou em “obra do demônio”. Organizações na Eslováquia disseram que programas baseados no jogo prejudicam as crianças. Na Grã-Bretanha, a polícia fez um apelo para que pais não deixem os filhos saírem de casa com as cartas. Vale lembrar que, em 1997, Pokémon já foi acusado de provocar convulsões em 685 crianças japonesas que assistiam ao seu desenho na TV, por causa de uma cena com luzes coloridas intensas.

Pokémon

Já são mais de 570 leitores e ouvintes que apoiam o Universo HQ! Entre neste time!
APOIAR AGORA