Confins do Universo 167 - Editoras Brasileiras # 5: JBC, mangás e Companhia
OUÇA
Notícias

Livros da Noir contam a história da editora RGE/Globo e bastidores da morte de Gwen Stacy, a namorada do Homem-Aranha

17 março 2022

A Editora Noir está com nova campanha no Catarse para lançar um livro sobre os 70 anos da editora RGE/Globo e outro sobre os bastidores de uma das mais impactantes histórias do Homem-Aranha: a morte de Gwen Stacy.

Confira abaixo detalhes do projetos, e clique nos respetivos links para apoiar. É possível adquirir ou dos livos - ou os dois - na mesma campanha por um preço especial de lançamento.

Um Mundo de Impressões (formato 16 x 23 cm, 450 páginas, R$ 149,00) tem desconto no Catarse, saindo por R$ 119,00.

Publicado em 2012 como brinde para anunciantes da Editora Globo, o livro ganha agora uma edição comercial para os fãs dos gibis publicados pela editora de Roberto Marinho e traz ainda histórias das demais revistas e livros da antiga RGE e atual Globo, quando a editora completa 70 anos de sua fundação. O conteúdo foi atualizado e será lançado em maio.

Ao longo de 2012, os jornalistas Gonçalo Junior e Thiago Blumenthal (1981-2020) mergulharam nos arquivos da Editora Globo, antiga RGE (Rio Gráfica e Editora), fundada por Roberto Marinho em abril de 1952, para uma missão especial: escrever o livro sobre os então 60 anos da empresa, que seria presenteado às vésperas do Natal, para clientes-anunciantes. Por problemas internos, porém, mesmo com a obra impressa, a tiragem não foi distribuída e o luxuoso volume virou item raro de colecionador e se tornou um desperdício e um prejuízo para a história da imprensa no Brasil.

Agora, a Noir vai lança esta nova edição, em formato menor, porém atualizada, mais volumosa e ricamente ilustradas. Gonçalo e Thiago recuperam o nascimento do Gibi Trissemanal, que virou sinônimo de revista em quadrinhos na década de 1930, e todos os outros títulos que fizeram a alegria de gerações de crianças, adolescentes e adultos ao longo de mais de cinco décadas, até o começo do Século 21.

A obra inclui, em detalhes, tudo que aconteceu nos bastidores e levou Maurício de Sousa a trocar a Abril pela Globo no final da década de 1980. Uma história empolgante e desafiadora que ele mesmo contou em depoimento exclusivo para o livro. Em paralelo, narra outras empreitadas editoriais, como as revistas policiais, de fotonovelas, de fofocas, sobre música, femininas, do agronegócio e a semanal Época.

O outro livro que conta nos planos de apoio da campanha é A noite em que a Marvel fez o mundo chorar (formato 14 x 21 cm, 144 páginas, R$ 59,90), do pesquisador Eduardo da Silva Pereira.

A publicação traz a história por trás da morte da namorada do Homem-Aranha, Gwen Stacy, com uma abordagem inédita no mundo sobre os bastidores e as consequências dessa tragédia que chocou gerações de leitores. Vários deles, aliás, entre editores, pesquisadores, jornalistas e fãs, descrevem o impacto que o fato teve em suas vidas. A apresentação é do psiquiatra e tradutor Jotapê Martins e as orelhas do editor Manoel de Souza P. Filho (Heroica).

Por que a direção da Marvel decidiu matar Gwen Stacy em 1973? E que consequências o episódio teve não só na vida do super-herói como da própria editora e no mercado de revistas do gênero? E o que estaria por trás das relações pessoais entre o jovem Gerry Conway e Stan Lee que levaram a essa medida? Ódio? Vingança?

Um livro único no mundo sobre o tema mostrando que, se a mesma não tivesse sido produzida e publicada, talvez não ocorresse a revolução das graphic novels na década de 1980. Exagero? Leia e opine.

Já são mais de 570 leitores e ouvintes que apoiam o Universo HQ! Entre neste time!
APOIAR AGORA