Confins do Universo 160 - Sandman: desvendando o Sonho
OUÇA
Notícias

Mike Deodato Jr. e Fido Nesti ganham o Eisner Award deste ano

27 julho 2022

Dois brasileiros saíram vencedores do Eisner Award deste ano: os quadrinhistas Mike Deodato Jr. e Fido Nesti. O anuncio do prêmio ocorreu na última sexta-feira, 22 de julho, durante a San Diego Comic Con.

Mike Deodato ganhou o prêmio como Melhor Publicação de Humor, por Nem Todo Robô (lançado no Brasil pela editora Comix Zone, veja resenha aqui), feito em parceria com o roteirista Mark Russell.

Fido Nesti foi o vencedor na categoria Melhor Adaptação de Outra Mídia, pela graphic novel baseada no livro 1984, de George Orwell. A obra foi publicada no Brasil pela Quadrinhos na Cia. em de 2020 (veja resenha aqui), e lançada nos Estados Unidos em 2021.

Veja abaixo os ganhadores de todas as categoria.

Melhor História Curta
Funeral in Foam, por Casey Gilly e Raina Telgemeier, em You Died: An Anthology of the Afterlife (Iron Circus).

Melhor Edição Única
Wonder Woman Historia: The Amazons, por Kelly Sue DeConnick e Phil Jimenez (DC).

Melhor Série Contínua
Something is Killing the Children, por James Tynion IV e Werther Dell’Edera (BOOM! Studios).

Melhor Série Limitada
The Good Asian, por Pornsak Pichetshote e Alexandre Tefenkgi (Image).

Melhor Nova Série
The Nice House on the Lake, por James Tynion IV e Álvaro Martínez Bueno (DC Black Label).

Melhor Publicação para Jovens Leitores (até oito anos)
Chibi Usagi: Attack of the Heebie Chibis, por Julie e Stan Sakai (IDW).

Melhor Publicação para Crianças (entre nove e 12 anos)
Salt Magic, por Hope Larson e Rebecca Mock (Margaret Ferguson Books/Holiday House).

Melhor Publicação para Jovens Adultos (entre 13 e 17 anos) 
The Legend of Auntie Po, por Shing Yin Khor (Kokila/Penguin Random House).

Melhor Publicação de Humor
Not All Robots, por Mark Russell e Mike Deodato Jr. (AWA Upshot).

Melhor Antologia
You Died: An Anthology of the Afterlife, editado por Kel McDonald e Andrea Purcell (Iron Circus).

Melhor Trabalho Baseado na Vida Real
The Black Panther Party: A Graphic History, por David F. Walker e Marcus Kwame Anderson (Ten Speed Press).

Melhor Graphic Noval de Memórias
Run: Book One, por John Lewis, Andrew Aydin, L. Fury, e Nate Powell (Abrams ComicArts).

Melhor Graphic Novel em Álbum Inédito
Monsters, por Barry Windsor-Smith (Fantagraphics).

Melhor Graphic Novel em Republicação
The Complete American Gods, por Neil Gaiman, P. Craig Russell e Scott Hampton (Dark Horse).

Best Adaptation from Another Medium
George Orwell’s 1984: The Graphic Novel, adaptado por Fido Nesti (Mariner Books).

Melhor Edição Norte-Americana de Material Internacional
The Shadow of a Man, por Benoît Peeters e François Schuiten, tradução por Stephen D. Smith (IDW).

Melhor Edição Norte-Americana de Material Internacional – Ásia
Lovesickness: Junji Ito Story Collection, por Junji Ito, tradução por Jocelyne Allen (VIZ Media).

Melhor Coleção ou Projeto de Arquivo de Tiras
Popeye: The E.C. Segar Sundays Vol. 1, por E.C. Segar, editado por Gary Groth e Conrad Groth (Fantagraphics).

Melhor Coleção ou Projeto de Arquivo de HQs
EC Covers Artist’s Edition, editado por Scott Dunbier (IDW).

Melhor Roteirista
James Tynion IV, por House of Slaughter, Something is Killing the Children, Wynd (BOOM! Studios); The Nice House on the Lake, The Joker, Batman, DC Pride 2021 (DC); The Department of Truth (Image); Blue Book, Razorblades (Tiny Onion Studios).

Melhor Roteirista/Artista
Barry Windsor-Smith, por Monsters (Fantagraphics).

Melhor Desenhista/Arte-Finalista ou Time de Desenhista e Arte-finalista
Phil Jimenez, por Wonder Woman Historia: The Amazons (DC).

Melhor Pintor/Artista Multimídia (arte interior)
Sana Takeda, por Monstress (Image).

Melhor Capista
Jen Bartel, por Future State Immortal Wonder Woman #1 & 2, Wonder Woman Black & Gold #1, Wonder Woman 80th Anniversary (DC); Women’s History Month variant covers (Marvel).

Melhor Colorista
Matt Wilson, por Undiscovered Country (Image); Fire Power (Image Skybound); Eternals, Thor, Wolverine (Marvel); Jonna and the Unpossible Monsters (Oni).

Melhor Letrista
Barry Windsor-Smith, por Monsters (Fantagraphics).

Melhor Veículo Relacionado a Quadrinhos/Jornalismo
WomenWriteAboutComics.com, editado por Wendy Browne e Nola Pfau (WWAC).

Melhor Livro Relacionado a Quadrinhos
All of the Marvels, por Douglas Wolk (Penguin Press).

Melhor Trabalho Acadêmico/Educacional
Comics and the Origins of Manga: A Revisionist History, por Eike Exner (Rutgers University Press).

Melhor Design de Publicação
Marvel Comics Library: Spider-Man Vol. 1: 1962–1964 (TASCHEN).

Melhor Quadrinho Digital
Snow Angels, por Jeff Lemire e Jock (Comixology Originals).

Melhor Webcomic
Lore Olympus, por Rachel Smythe (WEBTOON)..

Já são mais de 570 leitores e ouvintes que apoiam o Universo HQ! Entre neste time!
APOIAR AGORA