Confins do Universo 206 - X-Men '97: Nostalgia Mutante
OUÇA
Notícias

Volta às bancas a graphic novel que inspirou o segundo filme dos X-Men

22 maio 2003

Fonte: Press Release

Deus Ama, O Homem MataCom roteiros de Chris Claremont (veterano nas histórias dos X-Men) e desenhos de Brent Anderson (de Astro City), a Panini Comics traz de volta a clássica história que inspirou o roteiro de X-Men 2, sucesso nos cinemas de todo o mundo, em X-Men - Deus Ama, o Homem Mata (formato Panini, 64 páginas, R$ 6,50).

Originalmente publicada em 1984, com o título X-Men - O conflito de uma Raça, pela Editora Abril, a história conta a saga dos mutantes contra o preconceito e a intolerância racial dos ditos "humanos normais".

Esta graphic novel, com cores de Steve Oliff (Akira), é fundamental para quem deseja conhecer melhor o passado dos heróis mutantes.

Willian Stryker. Este é o nome do reverendo que nutre um grande ódio pelos mutantes nesta edição. Para eliminá-los, ele não vai medir esforços e preparará uma estratégia de "difamação contra os X-Men".

Mobilizando a mídia e apelando para a religião, os heróis são transformados pelo reverendo em "inimigos públicos número 1". Sem muita escolha, desafetos se unem: Magneto e os pupilos de Xavier formam uma única frente contra a cruzada de Stryker...

Já são mais de 570 leitores e ouvintes que apoiam o Universo HQ! Entre neste time!
APOIAR AGORA