Confins do Universo 114 - Os 70 anos de Peanuts
OUÇA
Notícias

ProAC divulga os trabalhos selecionados em 2018

20 agosto 2018

Diário Oficial divulgou, no último dia 18 de agosto, os projetos que serão contemplados pelo ProAC – Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo, no Concurso de Apoio a Projetos de Criação e Publicação de Histórias em Quadrinhos no Estado de São Paulo, em 2018.

Neste ano, a exemplo do que aconteceu em 2017, foram 14 projetos contemplados, sendo no mínimo sete de outras cidades do Estado de São Paulo, sem contar a capital. Cada um deles ganhará 40 mil reais para o material ser publicado. São eles, sem qualquer ordem classificatória:

Projetos vencedores da capital

Roseira, Medalha, Engenho e Outras Histórias, de Jefferson Ferreira Costa;

O Elísio, de Renato Dal Maso Rodrigues;

8 Pi, de Daniel Zonaro Lopes;

Fujie e Mikito, de Yuri Andrey Cardoso;

Viola vermelha – Modas de viola em quadrinhos, de Yuri Carlos Garfunkel;

Homem pássaro, de Antonio Carlos Tironi Galhardo;

O legado do mau azar, de Augusto Cezar Barbosa Figliaggi .

Projetos vencedores de outras cidades do Estado

Tuhú e o andarilho do tempo, de André Luiz da Silva Pereira (Santo André);

Tsulama, de Davi Ferreira da Silva Junior (Campinas);

O cramulhão e o trapaceiro, de Gilmar Machado Barbosa (Santo André);

Kuro, de Felipe Watanabe de Oliveira (Guarulhos);

Aquarela, de André Bernardino (Santos);

Devem ter sido as rosas, de Célio Antonio Cecare (Sorocaba);

Os olhos de Barthô, de Walmir Américo Orlandeli (São José do Rio Preto).

.

Vale frisar que os projetos selecionados só receberão a verba após a análise da documentação que também foi enviada no momento da inscrição. Caso haja algum impedimento, o candidato perde a vaga, que é herdada por um dos suplentes. Neste ano, foram indicados 14 suplentes (descritos abaixo por ordem de classificação), para o caso de algum titular ser desclassificado.

A nova Califórnia, de Daniel de Araújo Pinto (São Paulo);

Sobre trilhos, de Talessa Kuguimiya (São Paulo);

Espetaculare Meneghetti, de Oskar Dimitry Rizzo Arêas (Mauá);

Punchline, de Fabio Roberto Vitor (Itapevi);

Monstruário – Eterno retorno, de Lucas Kiyoharu Sanches Oda (Campinas);

Salseirada, de Alberto de Stefano (São Paulo);

Ele morre no final, de Marcos Leandro de Oliveira (São Carlos);

Os bons tempos das piores ideias, de Rafael de Oliveira (São Paulo):

O fundo do poço, de Magno José Costa (Santo André);

Voadores – Realidade distorcida, de Alexandre de Maio (São Paulo);

A ilógica tarde de prazeres do animal em fuga, de Guilherme Oliveira Santos (Itararé);

Maria Quitéria – Cavaleira do Império, de Felipe de França (Campinas);

Virginia merece, de Tainan Rocha de Lima (São Paulo);

O boxe de Sofia, de Carlos Antunes Siqueira Júnior (Sorocaba).

A comissão deste ano foi presidida pelo escritor e roteirista Fabio Tucci Farah e teve como demais integrantes: Antonio D’ Agostino Filho, Gustavo Fernandes Fernochi e Worney Almeida de Souza.

Já são mais de 540 leitores e ouvintes que apoiam o Universo HQ! Entre neste time!
APOIAR AGORA