Confins do Universo 138 - Não está no gibi; está nos livros! -
OUÇA
Reviews

CONAN, O CIMÉRIO # 15

1 dezembro 2007


Título: CONAN, O CIMÉRIO # 15 (Mythos
Editora
) - Revista mensal

Autores: Lobos na Floresta - Kurt Busiek (roteiro) e Greg Ruth (arte).

Preço: R$ 4,90

Número de páginas: 24

Data de Lançamento: Junho de 2005

Sinopse: Após uma epidemia que dizimou a maioria de seu rebanho bovino e incêndios que destruíram suas provisões de inverno, os cimérios da tribo de Conan migraram para um planalto mais ameno e próximo à água.

Conan, ainda um menino de oito anos, ajuda na construção das novas cabanas da tribo em vez de ir brincar com seus colegas imberbes.

Durante um passeio pela floresta, em busca de lebres, o jovem cimério encontra o chefe de sua tribo preso a um galho partido de árvore e incapaz de se mover. Mas antes que Conan pudesse ir buscar ajuda, a dupla é cercada por lobos famintos.

O que se sucede então são atos de pura selvageria. E o menino Conan provou que poderia andar junto aos homens da tribo, participar das frivolidades ao redor da fogueira e até mesmo partilhar da aguardente que os adultos tomam.

Positivo/Negativo: A capa desta edição, ilustrada pelo excelente Greg Ruth, não deixa dúvidas quanto ao conteúdo da aventura. É quase possível "ouvir" o rosnar do lobo.

Este segundo trabalho da dupla Busiek/Ruth (o primeiro foi na surpreendente edição # 8, que narra do nascimento do bárbaro num campo às desavenças com outros garotos) continua as aventuras de Conan em seu tempo de menino, na inóspita e gelada Ciméria, sua terra natal.

Além de dar continuidade ao contexto, esta edição revela um aspecto de Conan até então não mostrado: sua parte selvagem e animalesca, sua força de vontade e seu desejo de viver.

O roteiro de Busiek está impecável e mostra apropriadamente uma conversa entre Conan e seu avô, na qual o velho fala ao menino sobre seus dias de saqueador nas nações do sul, revelando o motivo pelo qual fugiu de sua tribo, no sul, e se refugiou naquela a que Conan pertence.

Esse trecho foi inspirado em uma informação contida em uma carta de Robert Howard - o criador de Conan - a seu amigo P. Schuyler Miller, em 10 de março de 1936, na qual dizia: "Seu avô (o de Conan) foi membro de uma tribo do Sul que havia fugido de seu próprio povo por causa de um feudo de sangue e, depois de longas andanças, finalmente abrigou-se entre os povos do Norte. Na juventude, antes de sua fuga, o avô havia tomado parte em muitos assaltos às nações hiborianas, e talvez fossem as histórias que contava a Conan menino sobre aquelas terras mais suaves que despertaram nele um desejo de vê-las" (Conan - Espada e Magia # 1, Unicórnio Azul).

Sobre a arte de Ruth, a seqüência entre as páginas 13 e 17 é simplesmente amedrontadora. Mesmo sem o texto de Busiek, pode-se sentir a adrenalina daquele instante em que o líder da matilha salta sobre Conan e o jovem enterra sua faca no pescoço da fera.

Contudo, apesar da arte maravilhosa e impecável, nota-se uma contradição a Robert E. Howard: a maioria dos cimérios é retratada com olhos castanhos - à exceção de Conan e do avô. O próprio criador do bárbaro foi bem claro quando, em seu ensaio A Era Hiboriana, afirmou que os cimérios tinham olhos azuis ou cinzas (Conan - Espada e Magia # 1), e Conan O Cimério Vol. 1, Conrad).

Outro aspecto é que, ao contrário do que Dave Stewart vem fazendo, Greg Ruth esquece de escurecer devidamente a pele do povo da Ciméria que, segundo Howard, era morena, "mas não tão escura quanto a dos zíngaros, zamorianos e pictos" (ver Notas sobre Vários Povos da Era Hiboriana, publicada em Conan, o Bárbaro, Abril, e Conan, O Cimério Vol. 1, Conrad).

Entretanto, quando aparecem os sacerdotes cimérios, semelhantes aos históricos druidas, faz-se a ligação com uma referência que R. E. Howard fez no conto O Colosso Negro ao fato de os cimérios também terem seus oráculos.

Nesta edição há ainda a volta do hilariante Bob Cano-Duplo, apresentado pela dupla Jim e Ruth Keegan, que se baseou nas histórias verdadeiras de Robert E. Howard.

Classificação:

4,0

Leia também
Já são mais de 540 leitores e ouvintes que apoiam o Universo HQ! Entre neste time!
APOIAR AGORA