Confins do Universo 140 - Falam muito: o poder dos quadrinhos mudos! -
OUÇA
Reviews

CONAN, O CIMÉRIO # 7

1 dezembro 2004


Título: CONAN, O CIMÉRIO # 7 (Mythos
Editora
) - Revista mensal

Autores: Dia do Adeus - Kurt Busiek (argumento), Cary Nord e Thomas Yeates (arte).

Preço: R$ 4,50

Número de páginas: 24

Data de Lançamento: Outubro de 2004

Sinopse: Após sua fuga de Hiperbórea, o desiludido e vingativo Conan vaga pelas paragens geladas em direção ao sul e acaba chegando a uma vila civilizada na fronteira com a Britúnia.

Consumido pelo desejo de vingança contra os dois aesires que traíram Niord, Conan segue a pista deixada até encontrar Sjarl e Einar e fazê-los pagar o preço na mais alta moeda.

Enquanto isso, em Pointain, no sudeste aquiloniano, surge uma personagem linda e fria como um bloco de gelo. Quem é ela? Janissa, a Caçadora de Homens.

Positivo/Negativo: Ao olhar as duas primeiras páginas da revista, o leitor tem a sensação de estar vendo um soldado espartano, envolto em escarlate, vagando por uma planície gelada. Mas quando o ângulo se aproxima, percebe que está encarando Conan da Ciméria, com o olhar fixo à frente, lutando por metro em direção ao sul.

As recordações atormentam Conan pelo caminho: traição, promessas, morte e fracasso. Mas apenas um sentimento seu coração insiste em comprazer: a vingança!

Esta edição, apesar de mostrar os acontecimentos quase que instantâneos, vem preencher a lacuna que as anteriores deixaram, ou seja, a ação violenta e espontânea, que é uma característica de Conan pouco usada antes, durante a saga na Hiperbórea.

A capa, a última de J. M. Linsner, está estonteante, transmitindo o olhar de alguém mortalmente atingido por uma lâmina de aço, com as imagens se esvaecendo diante de si.

Além disso, percebe-se também uma sensível melhora nas cores.

E, pra deixar o leitor com água na boca, surge uma personagem que provavelmente substituirá Sonja, a Ruiva, nessa nova fase do cimério, em que a hirkaniana não faz parte desse universo.

No final, mais uma divertida aventura de Robert E. Howard, ou Bob Cano-Duplo.

Sem dúvida, está é uma das melhores edições de Conan, o Cimério.

Classificação:

4,0

Leia também
Já são mais de 570 leitores e ouvintes que apoiam o Universo HQ! Entre neste time!
APOIAR AGORA