Confins do Universo 138 - Não está no gibi; está nos livros! -
OUÇA
Reviews

CONAN, O CIMÉRIO # 9

1 dezembro 2005


Título: CONAN, O CIMÉRIO # 9 (Mythos
Editora
) - Revista mensal
Autores: Dois Nemédios Numa Taverna - Kurt Busiek (argumento), Cary Nord e Thomas Yeates (arte).

Preço: R$ 4,50

Número de páginas: 24

Data de Lançamento: Dezembro de 2004

Sinopse: Em uma taverna, na cidade nemédia de Bertinus, o jovem Conan se envolve em uma briga com dois ladrões arrogantes.

Após mostrar a eles um pouco de sua força bruta, o cimério relata-lhes como se envolveu em uma rixa com o magistrado local e roubou-lhe algumas jóias.

Como não conseguiu vender as jóias, Conan as mostra aos dois ladrões, que as tomam dele, mas descobrem tardiamente o quão astuto é aquele bárbaro.

Positivo/Negativo: Na seqüência de suas aventuras rumo ao sul, Conan chega a Bertinus, na Nemédia, no que pode ser seu primeiro contato com a civilização verdadeiramente dita, em uma decadente cidade hiboriana.

A dupla Nord/Yeates está de volta à arte da revista, após a pausa para a introdução deNascido no Campo de Batalha, com arte de Greg Ruth.

É interessante ver como Nord explora bem os detalhes de uma típica cidade do interior, no estilo medieval, com carroças de feno e sujeiras na rua. A taverna está muito bem representada também.

Isso sem contar as vestimentas dos cidadãos de Bertinus. O desenhista utilizou o conceito de que as roupas sempre desempenharam funções muito mais complexas que o abrigar e preservar o pudor. Os trajes identificavam a posição sócio-econômica, o estado civil e a ocupação profissional nos tempos antigos, assim como no atual.

Percebemos claramente nos desenhos de Nord que a forma do traje é um elemento identificador, como as golas, as bainhas, as cinturas realçadas e os ombros aumentados, nos nobres que aparecem na estória.

Percebe-se também uma legítima sensualidade nas roupas femininas, que contribuem para o jogo de sedução, apresentado na aventura de forma bem explícita: decotes generosos, cinturas marcadas e quadris aumentados.

No roteiro, Kurt Busiek trabalhou muito bem esta aventura, mostrando um Conan jovem, mas não ingênuo, e sim atrevido e astuto no trato com a civilização.

Esta trama é interessante por ser o ponto de partida de uma aventura bastante atípica de Conan, que é The God in the Bowl (O Deus na Cesta), um conto de Robert Howard, num estilo quase que policial, publicado originalmente em Space Science Fiction, de setembro de 1952.

Curiosamente essa história foi submetida por Howard à revista Weird Tales, mas o editor da época a rejeitou. E em 1951, L. Sprague de Camp fez algumas alterações no manuscrito original, resultando na trama apresentada na Space Science Fiction.

De quebra, há também mais uma aparição da misteriosa Janissa e outra aventura do lúgubre Bob Cano-Duplo.

Classificação:

4,0

Leia também
Já são mais de 540 leitores e ouvintes que apoiam o Universo HQ! Entre neste time!
APOIAR AGORA